Entre os participantes da jornada dedicada à água encontram-se representantes do Vaticano e dos programas da Organização das Nações Unidas
Entre os participantes da jornada dedicada à água encontram-se representantes do Vaticano e dos programas da Organização das Nações UnidasÉ esperada a presença de cerca de 3. 000 pessoas de 135 países em Estocolmo, na Suécia, no âmbito da terceira edição do encontro ecuménico Água e fé, organizado pelo Conselho Mundial das Igrejas (CMI). O evento é aberto ao público e terá lugar na próxima quinta-feira, 30 de agosto. a iniciativa será uma ocasião para estudar estratégias que contribuam para que instituições e organizações possam agir em colaboração com o setor público e privado para uma melhor justiça hídrica para a toda a humanidade, colocando um fim ao problema global da carência e do desperdício de água. O encontro será também uma oportunidade para incentivar, onde for possível, o consumo da água da torneira, diminuindo, consequentemente, o uso de garrafas de plástico altamente poluidoras, indicam os serviços de comunicação do Vaticano. Em discussão estará ainda a forma como as organizações religiosas poderão contribuir para o cumprimento do Objetivo seis das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, que visa garantir a disponibilidade e a gestão sustentável da água e das estruturas higiénico-sanitárias para todos. através da concretização deste evento, Dinesh Suna, coordenador do encontro, espera que as comunidades religiosas e os organismos da ONU possam progredir para enfrentar juntos o Objetivo seis. O encontro dedicado à água integra as celebrações da Semana Mundial da Água, que está a decorrer até à próxima sexta-feira, 31 de agosto, sob o tema Água, ecossistemas e desenvolvimento humano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *