O cardeal Norberto Rivera Carrera, da cidade do México, disse que era um “erro” os Estados Unidos construí­rem um muro na fronteira com o México.
O cardeal Norberto Rivera Carrera, da cidade do México, disse que era um “erro” os Estados Unidos construí­rem um muro na fronteira com o México. Durante o terceiro Congresso Nacional do Comité da Cultura dos Bispos Mexicanos, o cardeal Rivera disse que o fenómeno da imigração ocorre devido a razões económicas, familiares ou religiosas e que a solução exige o consenso das nações afectadas, não decisões unilaterais. a construção de um muro é um “erro” e é uma solução de “outras eras na história que já estão ultrapassadas”.
O cardeal frisou que nos últimos anos a imigração de mulheres aumentou, sendo elas a manter as suas famílias, com todos os problemas que estar longe das suas casas implica.
Luís Ernesto Derbez Bautista, membro do governo mexicano, disse esta semana que a construção do muro é “inaceitável” pois “só vai levar à degradação da condição humana”.
O bispo Renato ascencio León, presidente do Comité dos Bispos para a Mobilização, convidou os mexicanos a participar a 29 de Janeiro na oração para que “os muros não sejam construídos, e que sejam estabelecidas pontes que possam levar a melhores relações”. Neste sentido, pediu aos candidatos presidenciais que incluam nas suas propostas “a criação de trabalhos bem remunerados para que os nossos concidadãos não tenham que procurar trabalho em outras partes”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *