a China vai duplicar os seus gastos em prevenção da Sida. Nos próximos dois anos espera investir mais de 310 milhões de euros em programas de prevenção.
a China vai duplicar os seus gastos em prevenção da Sida. Nos próximos dois anos espera investir mais de 310 milhões de euros em programas de prevenção. Segundo os meios de comunicação estatais, o governo gastou 800 milhões de yuan (83 milhões de euros) este ano, mas vai praticamente duplicar esta quantia nos próximos dois anos, alcançando os 1. 5 mil milhões de yuan (156 milhões de euros) em 2006-2007.
Nos últimos anos a China intensificou a sua luta contra a Sida. Inicialmente demorou a admitir a ameaça, mas o medo e a ignorância obrigaram a que este esforço fosse cada vez maior e mais urgente. Mesmo nos meios mais educados, cerca de 60 por cento das pessoas admitem que os deixaria “nervosos” o contacto com seropositivos, segundo dados de um inquérito feito pelo ministério da saúde.
Segundo números oficiais, na China há 840 mil pessoas infectadas com o ví­rus da Sida, mas os especialistas estimam que o número seja muito mais elevado. O objectivo do governo é manter o total dos casos abaixo dos 1. 5 milhões até 2010, um número muito abaixo dos 10 milhões previstos pela Organização Mundial da Saúde se nada for feito para prevenir o avanço da doença.
Cerca de 80 por cento das pessoas infectadas com o ví­rus da Sida estão na faixa etária dos 20 aos 39 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *