Nós escondemos os sinais do cristianismo por “respeito” à pluralidade. Na Turquia os estudantes juntam-se para ver de que se trata o Natal do profeta Jesus.
Nós escondemos os sinais do cristianismo por “respeito” à pluralidade. Na Turquia os estudantes juntam-se para ver de que se trata o Natal do profeta Jesus. Em antioquia, no sul da Turquia, o Natal chega silenciosamente, sem a ostentação das luzes nas ruas, as montras decoradas, as árvores de Natal e as corridas para as últimas compras. Mas o desejo de receber o Menino Jesus de uma maneira digna não diminui: a igreja é decorada com flores, velas e o presépio é construído, como conta Mavi Zambak, um jornalista local.
Este presépio constitui uma atracção para jovens e idosos. a visita à igreja católica é um costume para muitos, cristãos e não só. Os alunos das escolas gostam de se reunir à volta do presépio para admirar o nascimento deste grande profeta, fazendo perguntas sobre o significado dos anjos, das velas, da cabana. é uma oportunidade da comunidade católica transmitir a sua mensagem, através das simples figuras do presépio.
as crianças, em uniforme escolar, são acompanhadas pelos seus professores que as apresentam dizendo: “as crianças gostariam de ver a igreja, especialmente o presépio. é a primeira vez. Sabemos que se aproxima uma grande festa para vós e gostaríamos de a partilhar convosco”.
E são os professores, obviamente muçulmanos, que lhes explicam: “No dia de Natal os cristãos celebram o nascimento de Jesus, um profeta enviado por Deus para trazer a paz, o amor e o sentimento de irmandade; para nos ensinar a amar-nos uns aos outros. E ele quer mesmo que o imitemos, se queremos viver uma vida de acordo com a vontade de Deus. Jesus era uma boa pessoa e os pastores sabiam… por isso é que assim que nasceu foram glorificá-lo e rezar-lhe… “
as visitas seguem-se, os mais interessados parecem ser os adultos que observam o presépio com curiosidade, Muitos vêm perguntando-se o que os cristãos encontram de tão especial neste profeta recém-nascido.
O perfeito da cidade, o chefe da polícia e as maiores autoridades da cidade têm agendada no dia 25 de Dezembro uma visita à igreja católica, não só para saudar o pároco e a comunidade cristã, mas também para admirar o presépio, sempre o mesmo, mas sempre original e fascinante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *