Entre Janeiro e Setembro, no sul do Malawi, 29 crianças perderam a vida devido a doenças causadas pela fome, confirmou o Programa Mundial de alimentação.
Entre Janeiro e Setembro, no sul do Malawi, 29 crianças perderam a vida devido a doenças causadas pela fome, confirmou o Programa Mundial de alimentação. Que essas mortes tenham ocorrido antes da estação mais complicada, o período entre as colheitas, sublinha a necessidade urgente de ajuda alimentar para o país, disse antonella D’aprile, porta-voz do Programa Mundial de alimentação (PMa). ainda não estamos na estação da fome, que normalmente acontece entre Dezembro e Março, e infelizmente já temos crianças a morrer.
as mortes foram registadas pelos serviços de saúde do distrito de Nsanje, no sul de Blantyre, a capital comercial.
Em Junho, o Comité de avaliação de Vulnerabilidade do Malawi advertiu que mais de quatro milhões de pessoas vão precisar de ajuda alimentar durante este ano. as principais razões desta situação são a seca, agravada pela Sida e pela entrega tardia das sementes e dos fertilizantes.
Em, agosto as Nações Unidas lançaram um apelo para juntar 88 milhões de dólares para combater a fome no Malawi; até agora as contribuições só ascendem a 15 milhões. Se queremos responder às necessidades existentes precisamos de mais doações, disse D’aprile.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *