Governo e polícia sulcoreanos empenham-se para diminuir uma grave calamidade social: o desaparecimento, cada ano, de cerca de 4. 000 crianças.
Governo e polícia sulcoreanos empenham-se para diminuir uma grave calamidade social: o desaparecimento, cada ano, de cerca de 4. 000 crianças. Em 2000 desapareceram 3. 821 crianças. O número diminuiu nos dois anos seguintes, para, em 2004, voltar a aumentar: 4. 064 crianças desaparecidas. Os dados dos primeiros seis meses de 2005 já indicam 1. 363 casos.
O governo e a polícia prometeram desenvolver uma campanha para encontrar as crianças desaparecidas ecriaramuma nova lei para enfrentar o problema. No início de agosto lançaram um apelo aos sulcoreanos para colaborarem, assinalando os casos de crianças desaparecidas.
a nova lei, aprovada em Maio e que entrará em vigor em Dezembro, prevê vários mecanismos de combate desta chaga social. De acordo com a nova lei, o responsável por uma criança perdida que não o assinale à polícia incorrerá numa pena que poderá ir até cinco anos de prisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *