a Igreja Católica deve ter um «olhar perspicaz» sobre as dificuldades vividas pelos cidadãos, considera Jorge Ortiga, arcebispo de Braga
a Igreja Católica deve ter um «olhar perspicaz» sobre as dificuldades vividas pelos cidadãos, considera Jorge Ortiga, arcebispo de BragaFé celebrada será o tema do ano pastoral 2013-2014, na comunidade católica de Braga. a temática insere-se num projeto que pretende levar à redescoberta da identidade cristã, até 2017. De acordo com Jorge Ortiga,arcebispo de Braga, corresponder a este desafio implica viver e utilizar a fé para reformar uma sociedade em que os alicerces se foram desmoronando por jogos partidários e ideológicos, normalmente marcados pela ambição do poder ou do bem-estar material.
Numa mensagem transmitida aos representantes dos diversos arciprestados da arquidiocese, o prelado afirma que a Igreja Católica deve ter um olhar perspicaz sobre os problemas das pessoas, especialmente aquelas que enfrentam situações de carência. Segundo a agência Ecclesia, o prelado elegeu como prioridades para o novo ano pastoral a atenção aos jovens e às famílias e a aposta numa pastoral de qualidade, para que a fé seja um elemento diferenciador na vida dos cidadãos.