arcebispo do Rio de Janeiro pede aos peregrinos que se deixem conduzir pela força da mensagem de Fátima, não tenham medo de viver a fé e aprofundem a caridade
arcebispo do Rio de Janeiro pede aos peregrinos que se deixem conduzir pela força da mensagem de Fátima, não tenham medo de viver a fé e aprofundem a caridade O arcebispo do Rio de Janeiro, Orani Tempesta, pediu aos milhares de peregrinos concentrados no Santuário de Fátima, esta segunda-feira, 13 de maio, que se apoiem no testemunho do apóstolo São Paulo para crescerem na fé e consolidarem a ideia de que Deus saberá tirar o bem do mal. Segundo o prelado, caminhar na conversão e viver na fé é também a mensagem de Fátima. Uma mensagem que convida os fiéis a não terem medo de viver a sua crença e a acreditarem que um novo mundo é possível, pois a Deus nada é impossível. aqui essa mensagem torna-se ainda mais potente. aqui ela deve ser difundida pelo mundo com vigor e com coragem. aqui, com a fé aprofundada e com os olhos cheios de esperança, somos conduzidos a viver a caridade. Nunca é demais recordar as palavras consoladoras de Nossa Senhora à pequena Lúcia, angustiada por saber que ficaria sozinha, sem os primos Francisco e Jacinta. Estas palavras – Não desanimes, eu nunca te deixarei’ – são-nos ditas também a nós que aqui nos congregamos em torno do local da aparição da Virgem Maria. Não estamos sozinhos nas tribulações da vida. Maria, nossa mãe celestial nunca nos deixará, afirmou o arcebispo, na homilia da missa que encerra a peregrinação internacional aniversária. Orani Tempesta, que presidiu à peregrinação, referiu-se ainda à consagração do Pontificado do Papa Francisco a Nossa Senhora de Fátima, que considera reveladora do especial carinho do Sumo Pontífice pela Cova da Iria. Este é um privilégio de Fátima que a todos nos alegra e conforta: a especial atenção e solicitude que os Papas dos últimos 50 anos têm demonstrado por este solo abençoado, transformando-se em peregrinos, para vir aqui pedir à Senhora do Rosário proteção para a Igreja e a paz para o mundo. a eucaristia foi concelebrada por um cardeal, 37 bispos e 390 padres.