a revisitação às quatro Constituições do Concílio Vaticano II marca o regresso em janeiro dos Encontros de Santa Isabel, que todos os anos é organizado pela paróquia de Santa Isabel, no centro de Lisboa. Os debates têm lugar todas as segundas-feiras
a revisitação às quatro Constituições do Concílio Vaticano II marca o regresso em janeiro dos Encontros de Santa Isabel, que todos os anos é organizado pela paróquia de Santa Isabel, no centro de Lisboa. Os debates têm lugar todas as segundas-feiras Os Encontros de Santa Isabel 2013 procuram este ano refletir Em que crê quem crê?, a partir de testemunhos pessoais que revisitarão as Constituições do Concílio Ecuménico Vaticano II. Os quatro documentos debruçam-se sobre a Palavra de Deus, sobre a Igreja em si própria, sobre a Liturgia e sobre a Igreja no mundo contemporâneo. Por esta ordem, que não é casual, como escreveu o padre José Manuel Pereira de almeida, pároco de Santa Isabel, na apresentação dos encontros. ao perguntar o quê, como, onde e para quê, deixar-nos-emos interrogar sobre a verdade e a vivacidade da nossa fé em ambiente de mudança que as mudanças do tempo presente exigem, acrescenta. Já na próxima segunda-feira, dia 7, pelas 21h30, tem lugar o primeiro dos quatro encontros. O que se acredita?, é a pergunta lançada ao padre alexandre Palma, da Universidade Católica Portuguesa, com a moderação de Maria Cortês de Lobão, da paróquia. Os debates terão lugar no auditório da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa (rua Saraiva de Carvalho) e repetem-se depois com outros temas a 14, 21 e 28 de janeiro.