XV Peregrinação da família Missionária da Consolata
XV Peregrinação da família Missionária da Consolata”Chamou-os para estarem com ele e os enviar em Missão”. a frase escrita em fitas azuis, verdes, brancas, amarelas e vermelhas, entregues a cada um dos 10 mil participantes, da XV Peregrinação da família Missionária da Consolata a Fátima, serviu para simbolicamente, enviar cada um para a missão, no seu dia-a-dia.
Mas esta festa do Beato José allamano teve um dos pontos altos do dia, com o envio do missionário Gabriel Casadei, destinado a Moçambique.

ao impor o crucifixo missionário, o superior provincial do Instituto Missionário da Consolata, padre Luís Tomás lembrou: “Que seja o teu auxí­lio nas canseiras do apostolado e a tua defesa contra o mal”. Sem esquecer o trabalho que espera o missionário: “anunciar o Evangelho e ser testemunha do amor Universal de Deus”.

apesar de ser uma partida em festa, o superior provincial não escondeu que “é sempre sacrifí­cio ceder um missionário válido”. ainda assim é “com alegria que cedemos de boamente o padre Gabriel”, afirmou o padre Luís Tomás.

Já, no final da eucaristia, presidida pelo missionário da Consolata, Darci Vilarinho, na Capelinha das aparições e que reuniu os diferentes grupos da família dos Missionários da Consolata, o padre italiano, há nove anos em Portugal pediu, aos peregrinos, oração.

“O entusiasmo de missão que sinto, devo-o também às pessoas que estão aqui. O povo português acolheu-me como filho”, assinalou.

amor a Nossa Senhora e à Eucaristia
Na homilia, o presidente da celebração, o missionário português Darci Vilarinho acentuou a devoção mariana do beato allamano. Mas também a do padre João De Marchi, fundador do Instituto em Portugal, a partir de Fátima. “Bem merecia neste recinto um monumento ou uma lápide por levar ao mundo inteiro a mensagem de Fátima”, afirmou.

E lembrou também o amor à eucaristia do fundador do IMC. agora, neste ano da Eucaristia (Outubro 2004/Outubro 2005 definido pelo Papa João Paulo II) sublinhou a sua particular importância. a eucaristia é o tempo mais belo da nossa vida. é a eucaristia que sustém o mundo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *