O símbolo dos Jogos olímpicos chegou sábado, 12 de abril, a Dar es Salaam. é a única etapa africana no seu périplo pelo mundo, a caminho de Pequim
O símbolo dos Jogos olímpicos chegou sábado, 12 de abril, a Dar es Salaam. é a única etapa africana no seu périplo pelo mundo, a caminho de PequimVinda de Buenos aires, capital da argentina, a chama foi acolhida à sua descida do avião pelo presidente da Câmara da capital tanzaniana, adam Kimbisa. Estava presente uma delegação do governo do país.
O programa oficial previa um percurso de 25 quilómetros da chama pelas ruas da cidade. Mas foi reduzido para cinco modestos quilómetros. a chama deixa a Tanzânia, hoje, 13 de abril, partindo para Omã.
as autoridades explicam esta manifestação tão modesta não pelo receio de manifestações a favor do Tibete, mas devido à chuva. O período das chuvas já começou na África Oriental. Se as celebrações foram encurtadas é porque chove muito, afiançou o autarca de Dar es Salaam.
Embora não tenha sido anunciada qualquer manifestação pró Tibete, foram tomadas todas as medidas de segurança para evitar perturbações no percurso da chama. Nós somos responsáveis, afirmou o presidente da Câmara. Devemos garantir a entrega do símbolo olímpico.
O brilho da cerimónia tanzaniana foi diminuído com a recusa de participação da nóbel da paz de 2004, a queniana Wangari Maathai. Decidi mostrar-me solidária com outras pessoas sobre a questão dos direitos do homem na região do Darfur, do Tibete e da Birmânia, declarou.
Como africana, penso que é importante juntar-me ao resto do mundo para fazer pressão sobre a China. O governo da Tanzânia mantém excelentes relações com o gigante asiático. O seu presidente, Jakaya Kikwete, está actualmente de visita à China.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *