Mais de 80 por cento das vítimas de tráfico humano são mulheres e crianças, das quais cerca de 70 por cento são forçadas a prestar serviços de natureza sexual
Mais de 80 por cento das vítimas de tráfico humano são mulheres e crianças, das quais cerca de 70 por cento são forçadas a prestar serviços de natureza sexualMais de 600 mil pessoas são traficadas anualmente dentro do território europeu. a Convenção do Conselho da Europa relativa à Luta contra o Tráfico de Seres Humanos, que entra em vigor sexta-feira,1 de Fevereiro, quer combater esta situação.
Finalmente, a Europa tem uma arma eficaz contra a escravatura moderna , afirmou hoje o secretário-geral do Conselho da Europa, Terry Davis, um dia antes da entrada em vigor da Convenção. Este documento é um marco dentro dos esforços da Europa para bloquear esta situação escandalosa , sublinha, citado pela Lusa.
Depois do tráfico de armas e drogas, o tráfico de seres humanos é a terceira actividade criminal mais lucrativa no mundo inteiro , destacou Terry Davis. além da exploração sexual, há também exploração laboral, adopções ilegais e transplantes de órgãos.
Esperamos conseguir uma luta mais eficaz contra esta intolerável barbárie moderna, que só pode ser contornada por um esforço colectivo de uma Europa unida , reforçou o presidente da assembleia do Conselho da Europa, o espanhol Luis María de Puig.
a Convenção aplica-se a todas as formas de tráfico de seres humanos, com ligação, ou não, ao crime organizado e a todas as vítimas de tráfico de seres humanos, obedecendo a um principio de não discriminação. acentua a questão dos Direitos humanos, e prevê a assistência às vítimas aos mais diversos níveis, como saúde, representação jurídica e serviços de tradução. Prevê ainda o documento, um reforço da cooperação internacional para a investigação e captura de potenciais traficantes e a criação de um sistema de monitorização permanente (GRETa) entre países.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *