Calote do glaciar está a diminuir muito mais do que o previsto pelos investigadores. Novos testes do Centro Espacial da Dinamarca dão conta do aceleramento
Calote do glaciar está a diminuir muito mais do que o previsto pelos investigadores. Novos testes do Centro Espacial da Dinamarca dão conta do aceleramentoO degelo do glaciar da Gronelândia é quatro vezes mais rápido que no inicio do decénio. Um estudo recente revela que no Sudeste da Gronelândia desprendem-se para o mar, anualmente, icebergues correspondentes a um cubo de gelo gigante com seis quilómetros e meio de lado.
até 2004, a massa dos glaciares do Sudeste da ilha perdia entre 50 a 100 quilómetros cúbicos por ano. Daí em diante, o degelo acelerou 300 quilómetros cúbicos até hoje. É um aumento de 400 por cento muito preocupante, afirmou à agência aFP abbas Khan, investigador do Centro Espacial da Dinamarca e responsável pelo estudo.
Segundo o investigador, este desenvolvimento é alarmante e, se continuar, as águas derretidas do calote glaciar aumentarão o nível dos oceanos no mundo em mais de 60 centímetros ao longo deste século. Os peritos em clima das Nações Unidas prevêem um aumento entre 20 e 60 centímetros.
abbas Khan acrescentou: Não sabemos se isto é devido ao aquecimento climático ou a outros factores. apenas estamos a constatar uma situação alarmante. Os resultados deste estudo foram realizados com a cooperação da Universidade do Colorado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *