John Njue é o terceiro arcebispo católico de capital queniana. Era até ao momento bispo coadjutor de Nieri e presidente da Conferência Episcopal
John Njue é o terceiro arcebispo católico de capital queniana. Era até ao momento bispo coadjutor de Nieri e presidente da Conferência EpiscopalO novo arcebispo é um dos mais experientes líderes católicos do Quénia. Desde a sua nomeação como bispo, há 21 anos, assumiu posições importantes no seio da Conferência Episcopal do Quénia. De 63 anos, toma o lugar do arcebispo Raphael Ndingi Mwana, que se retira aos 75. a arquidiocese de Nairobi foi fundada em 1862. Tem mais de um milhão de católicos na capital e nos distritos circundantes.
O arcebispo eleito nasceu em 1944, em Embu, nas faldas do monte Quénia. Foi baptizado em 1948. Em 1952 entrou na escola, no oitavo ano da guerra da independência contra o colonialismo britânico. Encorajado pelo seu professor, o jovem John entrou no seminário menor em 1961. Frequentou a Universidade Urbaniana em Roma, onde cursou Filosofia. Em 1974 foi ordenado sacerdote, depois de concluir a Teologia na Universidade Lateranense.
Serviu na diocese de Meru, antes de ser nomeado professor de Filosofia e reitor do seminário Santo agostinho, de 1978 a 1982. Foi nomeado reitor do seminário de São José, de Nairobi, em 1985. João Paulo II nomeou-o bispo da nova diocese de Embu, em 1986, e coadjutor de Nairobi, em 2002.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *