Os Burundeses e crianças da Etiópia são as menos felizes. a Europa e américa seriam os locais de emigração escolhidos.
Os Burundeses e crianças da Etiópia são as menos felizes. a Europa e américa seriam os locais de emigração escolhidos. Um estudo do Fundo das Nações Unidas para a Infância, apresentado esta semana na Etiópia, comprovou que três décimos das crianças africanas querem emigrar.
a investigação incidiu sobre 4 mil crianças e jovens, com idades compreendidas entre os nove e dezassete anos, de oito países africanos. Dois deles, a Somália e o Burundi, estão em guerra.
a Europa, os EUa, ou mesmo países vizinhos como o Quénia ou a africa do Sul são os destinos favoritos. Das crianças interrogadas, as da Etiópia e do Burundi são as menos felizes. a maioria tem a esperança de conseguir viver de uma melhor forma que os pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *