Foto: Helpo ONGD

Sessenta crianças que integram o “Karibu” – um projeto que favorece a integração escolar de deslocados internos em Cabo Delgado – receberam “uniformes escolares novos pela primeira vez, depois de terem fugido das suas casas”, refere a Helpo, uma organização não governamental para o desenvolvimento (ONGD) portuguesa, envolvida nesta iniciativa.

A fuga das crianças dos seus lares aconteceu na “sequência dos ataques armados em Cabo Delgado”, explica a organização portuguesa, adiantando que “a maioria das crianças assistidas pelo ‘Karibu’ fugiram sem qualquer peça de roupa e permanecem até hoje sem uniforme”.

A Helpo explica que as “diferentes línguas em que [os menores] se expressam e o facto de antes não pertencerem ao Bairro de Mahate, fazem com que as crianças deslocadas muitas vezes não se sintam parte da nova comunidade”. Por isso, a ONGD considera que os novos uniformes são “muito mais do que uma peça de roupa”, uma vez que significam também “dignidade” e “ser parte”.

De acordo com a Helpo, a entrega dos uniformes escolares às crianças tornou-se possível devido à doação de uma empresa. A ONGD realça que com a entrega destes bens aos mais novos “foi dado um passo importante na promoção da integração destas crianças no ambiente escolar”. A organização afirma que apesar do diferente “dialeto” das crianças, os seus “sorrisos dizem tudo”. A Helpo manifesta o seu agradecimento à empresa doadora.

Tagged: