Jovens de aborim, aguiar e Quintiães, em Barcelos, entre os 15 e 30 anos, solicitam formação missionária aos Missionários da Consolata.
Jovens de aborim, aguiar e Quintiães, em Barcelos, entre os 15 e 30 anos, solicitam formação missionária aos Missionários da Consolata. O contacto dos missionários com os jovens de Barcelos deu-se na preparação e celebração da Páscoa de 2006. Criaram-se laços fortes através de actividades e festa. De ambos os lados, sentia-se a necessidade de algo mais profundo, mais sério.
alguns jovens iniciaram um grupo coral para animar as celebrações da sua paróquia, todos procuram dar testemunho entre os colegas, catequistas e seus catequizandos. Faltava algo mais: a formação.
Nesse sentido os Leigos Missionários da Consolata decidiram abraçar um projecto de formação missionária para os jovens de Barcelos. Destinatários do projecto são os jovens das paróquias referidas acima. Tem a duração prevista de 10 meses. Os objectivos são a dinamização das comunidades (de forma particular as paróquias de aborim, aguiar e Quintiães), a recriação dos grupos de jovens e sua formação.
O primeiro encontro aconteceu a 15 de Outubro na Paróquia de aborim. Os jovens disseram as suas motivações e expectativas. Nelson Jesus, de aguiar, explicou: Para mim, a Igreja era só um Deus castigador. Na Páscoa, descobri que Deus está vivo. Deus é alegria. É por isso que quis estar aqui, para conhecer melhor a minha fé.
O encontro terminou com informação sobre o Outubro Missionário. Os jovens comprometeram-se a lembrar, de forma especial, os missionários e as missões durante este mês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *