Foto: Madalena Rucha

O Projeto Sete levou ao Santuário de Fátima 124 jovens entre 2018 e 2020, incluindo jovens brasileiros e um médico espanhol, que fez um curso de português para melhor poder desempenhar a sua missão. Através deste programa pretende-se que os jovens vivam uma “experiência de voluntariado à luz daquilo que é a mensagem de Fátima, que sejam capazes de fazer um encontro consigo mesmos, com os outros e com Deus”, que “encontrem algumas respostas para o sentido da sua vida, da sua vocação”, e que “possam perceber o que é estar ao serviço do outro”, explicou Rute Santos, do Departamento de Acolhimento e Pastoral do Santuário de Fátima.

Além de momentos reflexivos, o projeto coloca os jovens em contacto com peregrinos e com os “bastidores” do santuário, algo que os faz ter “acesso a espaços que o peregrino comum não tem”. Mariana Cruz participa no Projeto Sete desde o seu início, tem 18 anos é natural de Santarém e aluna de Gestão de Recursos Humanos, um curso escolhido em resultado da sua experiência em Fátima. “O Projeto Sete mudou a minha visão daquilo que quero fazer. Não queria só estar atrás de um computador a lançar dados. Queria fazer algo que implicasse ter essa relação com as pessoas. O silêncio ajudou a perceber que o meu caminho não é bem pela gestão. É um bocadinho algo mais relacionado com as pessoas. Não tirou a gestão. Mas adicionou algo”, conta a jovem, que afirma que a experiência em Fátima contribui para “alargar o coração ao próximo”.

João Costa tem 22 anos, reside no concelho de Palmela e também se juntou ao Projeto Sete em 2020. “O melhor desta experiência foi o local, um sítio tão especial e cheio de significado para um católico, que fez com que esta se tornasse uma experiência memorável. O Projeto Sete suscitou em mim o desejo de querer saber mais sobre a história de Nossa Senhora e dos três pastorinhos. Depois desta experiência, li as ‘Memórias da irmã Lúcia’ e pesquisei sobre os factos da altura. Espiritualmente, aproximou-me da mensagem de Fátima”, refere o estudante de Psicologia. Atualmente, o programa recebe participantes dos 18 aos 25 anos. Em 2021, o primeiro dos dois turnos previstos arranca esta terça-feira, 3 de agosto, e prolonga-se até ao dia 15 seguinte. O segundo turno irá decorrer de 10 a 15 do mesmo mês, sempre sob medidas de segurança de forma a diminuir o risco de contágio por covid-19.

Tagged: