Foto: Lusa

Uma terceira aeronave de ajuda humanitária chega esta sexta-feira, 9 de julho, ao seu destino, tendo como finalidade ajudar a “população mais vulnerável da província de Cabo Delgado, em Moçambique”, através da distribuição de “bens de higiene, saúde e vestuário”.

A entrega destes bens é o resultado de uma parceria entre Cáritas Portuguesa, a Comissão Europeia, a Cooperação Italiana e o Instituto Camões, ao abrigo da iniciativa Ponte Aérea Humanitária da União Europeia. Outras duas aeronaves cumpriram já este trajeto com a mesma finalidade, transportando “doações provenientes de Portugal, oferecidas, pela Cáritas Portuguesa, pela Cruz Vermelha e pelo Exército Português, num total de 1,5 toneladas”.

Para a angariação destes bens, a Cáritas “contou com o apoio da Associação Rosto Solidário” e também de uma transportadora, conforme refere o próprio organismo humanitário, em comunicado. Os bens que já alcançaram solo moçambicano “foram recebidos pela Cáritas Diocesana de Pemba”, que irá distribuir os diversos artigos pela “população deslocada, vítima dos conflitos que continuam a afetar aquela província”.

Tagged: