Foto: Helpo ONGD

Diversos espaços dedicados aos mais novos, em São Tomé e Príncipe, usufruem agora de equipamentos de som e redes de sombra. Estes novos bens são uma forma de “investir na melhoria de qualidade das atividades realizadas”, realça a Helpo, uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD) portuguesa, envolvida na iniciativa.

De acordo com o organismo português, “as redes de sombra permitirão uma otimização do espaço exterior em momentos de convívio, atividades e celebrações”, e os equipamentos de som “fomentam as celebrações”, e são “úteis para atividades pedagógicas quotidianas”, nomeadamente dinâmicas com “recurso a música em contexto de sala”.

Beneficiaram destes bens os jardins de infância ‘Pôr do sol’, ‘Nova esperança’ e ‘Pimpolho’, a creche ‘Despertar’ e o berçário ‘O ninho’. A entrega destes bens aconteceu no âmbito do projeto “Valorização da educação pré-escolar em São Tomé e Príncipe através do conhecimento e da utilização de recursos locais”. Este apoio acontece no contexto do financiamento da Fundação Calouste Gulbenkian.

Tagged: