A pensar nas pessoas mais carenciadas foi recentemente lançada a Bolsa de Estudos José António Marques. A proposta acontece no âmbito das ações de promoção de igualdade de oportunidades fomentadas pela Cruz Vermelha Portuguesa (CVP).

Através desta iniciativa pretende-se “financiar estudos nas escolas superiores da CVP de um ou mais estudantes de licenciatura que cumpram os requisitos estabelecidos anualmente pela instituição”, conforme referem os serviços de comunicação do movimento humanitário.

Segundo a Cruz Vermelha Portuguesa, a bolsa “é anual, renovando-se automaticamente nos três anos letivos subsequentes àquele em que é atribuída pela primeira vez, exceto se não tiver havido aproveitamento escolar”. Prevê-se que no próximo ano letivo sejam concedidas “três bolsas de estudos, nomeadamente, uma em cada Escola Superior da Cruz Vermelha” – Lisboa, Oliveira de Azemeis e Chaves.

Tagged: