Timor
Foto: EPA / Evan Schneider

Várias congregações religiosas estão a dinamizar uma campanha de angariação de fundos, para apoiar as vítimas das cheias em Timor-Leste. “Nós, as Escravas da Santíssima Eucaristia e Mãe de Deus, os Frades Capuchinhos, e as Irmãs Concepcionistas ao Serviço dos Pobres residimos muito perto e lançámos a campanha ‘Ajude-nos a ajudar Timor”’ disse Fátima Campos, das Escravas da Santíssima Eucaristia, em declarações à agência Ecclesia.

Através das redes sociais, a religiosa dá conta da importância da iniciativa. “O vosso apoio irá suprir ou minimizar os danos junto de muitas famílias com quem lidamos diariamente, na zona de Tibar e Díli, as quais ficaram sem os seus bens e/ou desalojados devido ao ciclone de 4 de abril, em Timor-Leste. Iremos ainda tentar minimizar os riscos de transmissão da pandemia da Covid-19, com a entrega de máscaras e desinfetante”, escreve a religiosa.

A irmã afirma que estes “são momentos tristes e difíceis”, pelo que qualquer doação se revela “imprescindível na superação” das atuais dificuldades. “Ajude-nos a ajudar. Envie uma contribuição monetária ou forneça bens de primeira necessidade”, apela a irmã, adiantando que os dinamizadores da campanha vão fornecer “informação sobre a aplicação” das ofertas realizadas.

Segundo a religiosa, a campanha trouxe já a “ajuda monetária de amigos de outra congregação, as Irmãs Reparadoras de Nossa Senhora de Fátima”, que residem em Maliana, assim como a “ajuda de vários amigos, timorenses, cabo-verdianos, portugueses e de dois supermercados”. “As ajudas que recebemos e iremos distribuir serão de alimentos, artigos de higiene, roupas, máscaras e gel para minimizar os riscos de transmissão da pandemia Covid-19”, refere a religiosa portuguesa em Timor-Leste.

Texto: Juliana Batista

Tagged: