Os consumidores de grandes superfícies comerciais em Portugal vão poder ajudar os cidadãos mais desfavorecidos ao juntarem um vale de bens, no ato de pagamento das suas compras. Os vales têm diversos valores, e revertem-se em bens alimentares como “arroz, massa, atum, salsichas, feijão, leite, bolachas, azeite ou cereais”, indicam os serviços de comunicação da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), organização promotora da ação.

A campanha de vales pretende assim tornar as compras numa ocasião para “ajudar uma grande causa”, que, neste caso, envolve “alimentar milhares de pessoas”, destaca o movimento humanitário. As doações realizadas serão utilizadas para ajudar a Cruz Vermelha a “dar alimentos às famílias vulneráveis”, realçam os dinamizadores da campanha.

A iniciativa assume especial importância numa altura em que aumenta o número de cidadãos em dificuldades, devido aos efeitos das medidas de contenção da Covid-19. A campanha vai decorrer em dois momentos ao longo de 2021. O primeiro deles arranca este sábado, 3 de abril, e prolonga-se até ao dia 19 seguinte. “Faça compras por uma boa causa”, apela a Cruz Vermelha.

Texto: Juliana Batista

Tagged: