A U.Dream, um projeto de voluntariado de universitários criado em 2013, está a necessitar “urgentemente” de 60 jovens voluntários, para trabalhar nas áreas do apoio escolar, sem-abrigo e integração de imigrantes na região de Lisboa e Aveiro. O programa conta atualmente com mais de 600 estudantes do Porto, Braga, Aveiro e Lisboa.

“Neste momento as coisas no Porto e em Braga estão mais tranquilas. Fechámos o processo de recrutamento e estamos a selecionar os jovens. Em Lisboa e em Aveiro continuamos com uma urgência muito grande. Estamos à procura de 30 voluntários [para cada uma das duas cidades], que depois de um processo são selecionados para trabalhar com a U.Dream”, declarou Diogo Mendes, um dos fundadores do projeto.

Em declarações à agência Lusa, o responsável explicou que para este semestre específico, e também devido ao período de pandemia que se está a viver, as necessidades das comunidades centram-se no combate à pobreza extrema, apoio a estudantes com dificuldades económicas e sociais e apoio a imigrantes. O apoio a idosos em lares, a entrega de refeições ou as explicações a imigrantes são outras das áreas em que os voluntários da U.Dream também ajudam.

“Também compete aos jovens mostrar nesta altura [de pandemia] a coragem e a generosidade necessária para servir as comunidades e, portanto, aquilo que procuramos são jovens do ensino superior que queiram servir em segurança, a partir de suas casas, um conjunto de organizações que estão a trabalhar em várias cidades, mais em concreto agora em Aveiro e Lisboa”, adiantou Diogo Mendes.

Tagged: