Foto: "Mundo a Sorrir"

Apesar de todos os atuais constrangimentos, provocados pela atual pandemia da Covid-19, há cidadãos que se dispõem a abandonar o seu país e a partir para longe, para prestar auxílio aos pobres e vulneráveis. Exemplo disso é uma médica portuguesa.

“Ana Sá partiu para uma missão na Guiné-Bissau. Nos próximos meses, a médica dentista vai contribuir para melhorar o acesso a cuidados de saúde da população guineense. Boa sorte”, escreve nas redes sociais a Mundo A Sorrir, uma Associação de Médicos Dentistas Solidários Portugueses.

Por território português, a associação também mantém o seu trabalho, e, apesar das condicionantes, procedeu à entrega de “kits de escovagem aos alunos do pré-escolar e do 1.º e 2.º ano das escolas do município de Cascais, no âmbito do projeto ‘Cascais A Sorrir’”, adianta a organização nacional.  O objetivo é que as crianças envolvidas neste projeto “adotem hábitos de higiene oral diários, garantindo assim um futuro mais saudável”, destacam os médicos dentistas.

Fundada em julho de 2005, a Mundo A Sorrir é uma Organização Não Governamental (ONG) que trabalha nas áreas da saúde, saúde oral e estilos de vida saudável junto das comunidades em situação de vulnerabilidade socioeconómica. A organização está presente em alguns Países de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), como a Guiné-Bissau, Cabo-Verde e São Tomé e Príncipe.

Tagged: