Com o objetivo de contribuir para a superação da atual pandemia da Covid-19, os profissionais das Misericórdias Portuguesas entraram numa segunda fase de sessões formativas, as quais estão a ser retomadas juntos dos funcionários das Misericórdias do distrito de Faro.

As sessões decorrem sob o tema “Prevenção e combate à Covid-19 – Respostas sociais com grupos de risco”, e serão “ministradas por uma equipa multidisciplinar de formadores”, em todas as Santas Casas, através da plataforma Zoom, explicam os serviços de comunicação da União das Misericórdias Portuguesas (UMP), organismo promotor da iniciativa.

A ação de formação é especialmente direcionada a “diretores técnicos, responsáveis e dirigentes de equipamentos com respostas sociais que acolham e prestem serviços a idosos”. As sessões incidem sobre temas como “a gestão da pandemia e de equipas, a legislação em vigor, os planos de contingência e os cuidados a ter nas visitas”.

O “grande objetivo é sensibilizar e capacitar para a organização dos serviços com as regras que se impõem perante a pandemia”, explica a UMP. A ação de formação dedicada à Covid-19 encontra-se a ser realizada com o financiamento do programa Adaptar Social +, o que “leva a que apenas as Misericórdias do continente estejam abrangidas”. Contudo, “a UMP irá, a expensas próprias, estender esta formação às Misericórdias dos Açores e da Madeira”.

Tagged: