Em dezembro, são muitos aqueles que “procuram a paz e o sossego das Ilhas Bijagós”, na Guiné-Bissau. Este cenário, levou um grupo de Coletivos de Cidadãos Organizados (CCO) de Bubaque, uma das ilhas do arquipélago dos Bijagós, a lançar um conjunto de dinâmicas, com o objetivo de fomentar a limpeza e a conservação deste “património ambiental” da Guiné-Bissau, referem os envolvidos no projeto, em comunicado.

A ilha de Bubaque acolheu já uma dessas ações, que consistiu numa caminhada de limpeza da Praia da Escadinha. Antes da iniciativa teve lugar uma ação de sensibilização, através da afixação de cartazes e de um pequeno vídeo, que convida os visitastes da ilha a “tomar parte dessa ação consciente e responsável de cuidado com as praias, a conservação dos oceanos e da vida marinha”.

A caminhada pela conservação da praia já revelou os seus benefícios em prol do ambiente. “Uma quantidade significativa de garrafas de cerveja, latas de sumo, plásticos e diversos outros insumos foram retirados com a ajuda de carros de lixo”. Este projeto insere-se na iniciativa Pequenos Planos de Mudança (PPM), um programa apoiado pela “Ação Ianda Guiné! Djuntu”, financiado pela União Europeia na Guiné Bissau e implementado pelo Instituto Marquês de Valle Flôr (IMVF).

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *