Foto: UE-Activa - Intensificação e Valorização da Agricultura | Guiné-Bissau

Os alunos do ensino secundário do Centro de Ensino e Formação Agrícola (CEFA) da Guiné-Bissau envolveram-se numa aula teórico-prática sobre práticas agrícolas, o que consideram ser uma mais-valia para o seu futuro. “Estou aqui graças à minha colaboração com a associação ‘Nô Djuntu Mon Nô Tarbadja’ em Fajonquito, na região de Bafatá. Sinto que estou numa boa escola! A agricultura é muito importante para o nosso país e como estudante desta área melhorei o nível de conhecimentos em relação a muitas técnicas e tecnologias”, disse Mamadi Sissé, um dos alunos participantes.

O jovem destacou a importância que uma iniciativa como esta pode assumir na vida da sua comunidade. “Tivemos aula teórica e prática sobre o funcionamento das máquinas agrícolas, o trator especificamente. Foi ensinado que o tratorista deve ter o domínio sobre o trator, da sua manutenção e do funcionamento das grades. Estes conhecimentos são muito valiosos porque o trator é muito importante, ajuda muito na lavoura”, frisou o aluno.

Marina Lopes, outra das formandas, também deu destaque ao impacto que esta iniciativa pode ter no terreno. “Eu sempre tive esta curiosidade. A mecanização agrícola é um dos pilares importantes para o desenvolvimento da agricultura e todos nós sabemos como os tratores e outras máquinas são úteis para os agricultores e, no caso do nosso país, houve muitas melhorias com a utilização das máquinas. Agradeço ao projeto por esta oportunidade, pois faz todo o sentido nós aprendermos a manusear as máquinas”, referiu a estudante.

A iniciativa foi promovida pelo “UE-Activa, Eixo 3 – Intensificação e Valorização da Agricultura”, um programa que se debruça sobre a modernização e a mecanização agrícola, com o objetivo de promover o desenvolvimento do setor no país e assim contribuir para a melhoria das condições de vida das populações nas zonas rurais de Bafatá, Quinara e Tombali. A formação teve lugar na última semana de novembro.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *