Foto: "Associação Mãos Unidas com Maria"

“Mãos unidas com Maria” é o nome de uma associação criada no final de 2017 com o objetivo de “levar a mensagem de Nossa Senhora de Fátima além fronteiras, através da caridade, junto dos mais pobres”, conforme explicam os elementos responsáveis por este organismo, através das redes sociais.

Numa altura em que muitas pessoas se deparam com escassos recursos financeiros, devido aos efeitos das medidas de contenção da atual pandemia, esta associação assume um papel crucial na vida de muitas famílias em dificuldades. O trabalho levado a cabo pela associação é possível com o contributo de um conjunto diverso de voluntários, que procedem, entre outras tarefas, a uma triagem dos bens doados.

Entre os artigos oferecidos à associação está mobiliário, bens para bebés, vestuário e cobertores, entre muitos outros bens. Sediada nas proximidades da cidade de Fátima, a associação “Mãos unidas com Maria” tem o seu rosto em Florinda Marques, fundadora deste organismo.

Os bens doados à associação têm destinos tão diversos como a Batalha, Cardigos, Alcobaça, Loureira, Ourém e Fátima. A associação tem dedicado parte do seu trabalho a ajudar uma mulher vítima de violência doméstica a refazer a sua vida, e proporciona momentos felizes aos mais novos – “Fomos levar um bolo e cantar os parabéns a uma criança” – referem os voluntários da associação.

Os voluntários têm-se também dedicado a “rechear um contentor para a Guiné-Bissau, com alguns materiais importantes”. É ainda uma missão desta associação reunir verbas para a construção de uma casa para uma família numerosa carenciada.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *