Foto: Helpo

Por ocasião do regresso às aulas em Moçambique, a Helpo, uma organização não governamental para o desenvolvimento (ONGD) portuguesa, “compromete-se a apoiar escolas secundárias onde estudam” os seus apadrinhados, através da oferta de “material de limpeza de higiene” e de termómetros de infravermelhos.

Esta ajuda da ONGD nacional vai beneficiar cinco instituições de ensino: a Escola Secundária Marcelino dos Santos, a Escola Secundária do Anchilo, a Escola Secundária da Ilha de Moçambique, a Escola Polivalente de São João Baptista do Marrere e a Biblioteca Pública Provincial de Nampula Marcelino dos Santos, conforme indica a própria organização.

O regresso à escola em Moçambique “tem sido um grande desafio”. A Helpo destaca que naquele país africano “todas as escolas são chamadas a cumprir com vários requisitos de prevenção e combate à Covid-19, e só as que cumprem podem abrir”, motivo pelo qual os materiais que se encontram a ser doados assumem especial importância.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *