Leonel Narvaez
Leonel Narvaez, missionário da Consolata, fundador da Fundação para a Reconciliação

A Conferência Episcopal Mexicana (CEM), em colaboração com a Fundação para a Reconciliação no México, apresentou um novo compromisso pastoral com o objetivo de promover o método das Escolas de Perdão e Reconciliação (ES.PE.RE), de forma eclesial e popular, para que seja possível construir a paz e criar uma sociedade reconciliada em todo o país.

O programa conta a com a participação de todos os bispos do México e prevê a criação das “Escolas da Paz” nas 98 dioceses, com base na metodologia aprovada pela Fundação para a Reconciliação, fundada na Colômbia pelo missionário da Consolata, Leonel Narvaez, num ambiente de grandes conflitos internos no país.

Até agora, foram criados 39 núcleos ES.PE.RE em várias regiões do México e formados cerca de 1.000 facilitadores. O novo compromisso pretende favorecer a promoção de novas experiências, tanto em territórios diocesanos como através das plataformas digitais.

“Este programa abre um importante caminho para o perdão e a reconciliação no México. É um importante meio para reconstruir a pessoa e o tecido social”, afirmou à agência Fides Carlos Merlos, arcebispo de Morelia e responsável pela articulação dos processos de paz e reconciliação entre a Igreja Católica mexicana e as instituições governamentais.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *