Um avião fretado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) aterrou no aeroporto de Sana’a, capital do Iémen, no final da última semana, com 81,7 toneladas de bens que visam conter a Covid-19 no país. Outro avião fretado pela mesma agência da Organização das Nações Unidas (ONU) deve chegar a Aden, outra cidade iemenita, ao longo desta semana.

Entre os bens enviados estão Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como aventais, fatos protetores, respiradores, máscaras cirúrgicas, protetores faciais, óculos e luvas. Estes artigos são destinados aos profissionais de saúde que lidam com a Covid-19. “Esta ajuda permitirá que os profissionais de saúde da linha de frente no combate à doença continuem o seu trabalho heroico de enfrentar de modo seguro e mais eficaz a disseminação da Covid-19”, explicou Sherin Varkey, médico e representante da UNICEF no país.

“A UNICEF permanece e distribui as ajudas destinadas às crianças e famílias necessitadas em todo o país, apesar da falta de fundos e dos desafios trazidos pela pandemia”, acrecentou o responsável. A entrega de materiais de proteção face à Covid-19 está a ser possível devido ao apoio da Associação de Desenvolvimento Internacional-Banco Mundial, do Fundo do Kuwait e do governo australiano.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *