Caminho de Santiago

Os municípios de Mirandela e Valpaços, em Trás-os-Montes, vão investir 250 mil euros num troço do Caminho de Santiago, ao abrigo de um projeto conjunto que conta com financiamento do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER). A estimativa das duas autarquias é que venham a passar por aquele trajeto cerca de cinco mil peregrinos por ano.

“O projeto que vai agora ser implementado pretende, entre outras coisas, promover a qualificação e valorização dos ativos histórico-culturais com vocação turística nos territórios, contribuindo para o enriquecimento da oferta turística da região”, explicam os autarcas em comunicado, citado pela agência Lusa.

Segundo os presidentes da Câmara de Mirandela, no distrito de Bragança, e de Valpaços, no distrito de Vila Real, a ideia é também “valorizar a excelência do património cultural no contexto das estratégias regionais distintivas de desenvolvimento turístico e promover o desenvolvimento de produtos turísticos prioritários, nomeadamente o turismo cultural, turismo de natureza e turismo de saúde e bem-estar”.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *