Ajuda Amiga
Foto: Ajuda Amiga

A organização não governamental ‘Ajuda amiga’ procedeu ao envio de ajuda humanitária para a Guiné-Bissau. Entre os bens doados estão vestuário, material adequado para a confeção de máscaras, calçado, enlatados, farinhas para criança, brinquedos e livros, indicam os elementos do organismo, em comunicado.

A deslocação à Guiné-Bissau pelos membros da ‘Ajuda amiga’ devia ter acontecido em março, mas “devido ao encerramento dos voos comerciais pela Guiné-Bissau, ficou inviabilizada e está planeada para fins de outubro e início de novembro”, adiantam os elementos da organização.

É nossa expetativa é que esta situação mude e haja voos comerciais, para nós podermos efetuar a distribuição dos bens guardados em Bissora e dar continuidade às tarefas de construção da escola de Nhenque”, explicam os membros da associação.

Segundo os elementos da ‘Ajuda amiga’, a deslocação está “centrada no mês de novembro”, uma vez que “é nessa data que se inicia a época seca e a maior parte da nossa ação é no interior, por estradas de terra batida pouco transitáveis na época das chuvas, mesmo assim nesta altura ainda haverá água e lama nas estradas, o que exigirá alguns cuidados adicionais”.

A viagem tornar-se-á uma realidade graças à boa vontade dos elementos da organização. “A Covid-19 trocou-nos os planos. Não pudemos ir na altura mais adequada e agora temos que ir na altura que é possível. Além disso, os bilhetes de avião que comprámos deixam de poder ser usados se formos depois desta data e aqui cada um paga as suas próprias despesas”, relatam.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *