Ludoteca Helpo
Foto: Helpo

Em Cascais, a ludoteca da Helpo, uma organização não governamental para o desenvolvimento portuguesa, voltou a abrir portas aos mais novos, depois de um período de encerramento, como medida de contenção da atual pandemia, provocada pela Covid-19.

“Já recebemos algumas das nossas crianças, que estavam cheias de saudades e com muita vontade de regressar”, destacam os responsáveis pelo espaço, através das redes sociais, frisando que “voltaram as correrias, agora com a devida distância social, as gargalhadas sem fim, apesar de tapadas pela máscara, a criatividade ao piano, que nunca foi desinfetado tantas vezes, e os famosos ‘Tik toks’”, aos quais os voluntários da organização também aderem.

Os responsáveis pelo espaço afirmam que estão instaladas “novas rotinas de socialização, em que o álcool gel e a máscara marcam presença assídua”, mas que estes elementos acabam por se diluir ficando “o que importa”: o “regresso ao ‘colo’ e aos ‘abraços sem braços’”, que agora são reinventados, “para a segurança de todos”.

Tagged:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *