O presidente da Indonésia, Susilo Bambang Yudhoyono e o presidente de Timor Leste, Xanana Gusmão, vão encontrar-se para discutir o relatório sobre os abusos praticados durante a ocupação.
O presidente da Indonésia, Susilo Bambang Yudhoyono e o presidente de Timor Leste, Xanana Gusmão, vão encontrar-se para discutir o relatório sobre os abusos praticados durante a ocupação. as alegações de abusos praticados durante os 24 anos de ocupação indonésia de Timor vão agora ser discutidas pelos dois presidentes. O encontro estava marcado para Janeiro, mas Jacarta cancelou depois de Xanana Gusmão ter entregue o relatório às Nações Unidas (ONU).
O relatório considera a Indonésia responsável pela morte de 180 mil pessoas. Também estão descritos abusos como a violação, a tortura e a fome, assim como o uso indiscriminado de bombas incendiárias (napalm). as autoridade indonésias negam as acusações.
Os dois líderes vão encontrar-se sexta-feira, na ilha de Bali. O presidente indonésio certamente vai pedir explicações a Xanana Gusmão por este ter apresentado o relatório à ONU.
Fruto da investigação da Comissão de Timor Leste para a Recepção, Verdade e Reconciliação, o relatório ainda não é público, mas os políticos timorenses deram algumas informações e foi entregue uma cópia à ONU. as 2. 500 páginas documentam um catálogo de abusos alegadamente cometidos pelas forças de segurança indonésias, baseado no testemunho de milhares de pessoas.
ainda não é claro o resultado que terá este relatório. Nenhuma das partes parece ter vontade de perseguir os responsáveis, mas há necessidade de fazer um caminho de reconciliação entre os dois povos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *