Com uma crescente urbanização e uma taxa de mortalidade altí­ssima, causada pela sida, os cemitérios começam a ser pequenos.
Com uma crescente urbanização e uma taxa de mortalidade altí­ssima, causada pela sida, os cemitérios começam a ser pequenos. as autoridades sul-africanas estão preocupadas com a epidemia causada pelo vírus da sida, que, associada à rápida urbanização das cidades, está a criar um grave problemas de falta de cemitérios.
Para enfrentar o problema, as autoridades estão a reservar mais terrenos para cemitérios e a encorajar as famílias a sepultar vários membros da família na mesma campa, disse à imprensa local Jenny Moodley, porta-voz do departamento municipal dos parques urbanos de Joanesburgo.
Moodley disse ainda à agência Reuters que há grande pressão na actual infra-estrutura; muitas pessoas dizem que devíamos cremar, pois no futuro não vamos querer pagar fortunas para manter os cemitérios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *