Será um grupo de aconselhamento e de estudo do projeto de revisão da Constituição apostólica Pastor Bonus, do Papa João Paulo II, sobre a Cúria Romana formado por Cardeias dos cinco continentes

Será um grupo de aconselhamento e de estudo do projeto de revisão da Constituição apostólica Pastor Bonus, do Papa João Paulo II, sobre a Cúria Romana formado por Cardeias dos cinco continentes

Segundo o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, padre Federico Lombardi, o Papa mostrou que aceitou as sugestões que o Colégio Cardinalício manifestou durante as Congregações Gerais em preparação do Conclave. Este é um grupo convocado para aconselhar. Quem realmente ajuda o Papa a governar a Igreja todos os dias com suas diferentes competências é a Cúria Romana, ou seja, os colaboradores estáveis e permanentes no governo da Igreja que acompanham o Papa, disse o porta-voz do Vaticano. Parece-me importante ressaltar isso – continuou o diretor da Sala da Imprensa – a fim de evitar discursos não pertinentes a colocar em segundo plano o serviço da Cúria ou a diminuição de suas responsabilidades. a Cúria permanece com todas as suas competências e com todas as suas responsabilidades”, destacou neste sábado, dia 13, o padre Lombardi. O grupo é formado pelos cardeais Oscar Maradiaga, arcebispo de Tegucigalpa (Honduras), com a função de coordenador, Giuseppe Bertello, presidente do Governatorado do Estado da Cidade do Vaticano, Francisco Ossa, arcebispo emérito de Santiago do Chile, Oswald Gracias, arcebispo de Mumbai (Índia), Reinhard Marx, arcebispo de Munique (alemanha), Laurent Monsengwo, arcebispo de Kinshasa (R. D. do Congo), Sean Patrick O’Malley, arcebispo de Boston (EUa), George Pell, arcebispo de Sidney (austrália), e pelo Bispo de albano (Itália), Marcello Semeraro, como secretário. a primeira reunião deste grupo grupo de cardeaias está marcada para os três primeiros dias de outubro.