Em angola, um grupo de escuteiros anima várias comunidades com peças de teatro educativas sobre delinquência e consumo abusivo de bebidas alcoólicas. O objetivo é desencorajar estas e outras práticas

Em angola, um grupo de escuteiros anima várias comunidades com peças de teatro educativas sobre delinquência e consumo abusivo de bebidas alcoólicas. O objetivo é desencorajar estas e outras práticas

a exibição de peças teatrais sobre temas relacionados com a delinquência, o uso abusivo de bebidas alcoólicas, violência doméstica e abuso sexual é o novo método que os escuteiros do município de Chicomba (angola) encontraram para desencorajar os jovens a praticarem tais atos. Para Maria Ndembele, coordenadora dos escuteiros daquele município, o papel do teatro no combate ao alcoolismo na juventude é crucial, porque as peças são educativas e refletem o quotidiano e a cultura de cada povo. a apresentação de peças de teatro ajuda a juventude a recrear e a ocupar de forma racional os seus tempos livres, referiu a responsável esta semana, em declarações à agência angola Press, adiantado que já se observam resultados, embora ainda de forma tímida. O grupo de teatro é constituído por 33 escuteiros, que animam as comunidades do município todos os fins de semana.