O recém-nomeado responsável pela investigação das Nações Unidas às acusações contra a Síria em utilizar armas quí­micas afirmou que os preparativos para efetuar a sondagem no terreno já começaram e a missão pode começar em uma ou duas semanas
O recém-nomeado responsável pela investigação das Nações Unidas às acusações contra a Síria em utilizar armas quí­micas afirmou que os preparativos para efetuar a sondagem no terreno já começaram e a missão pode começar em uma ou duas semanas a missão vai realizar-se no prazo de uma ou mais semanas, afirmou åke Sellstrom, o cientista sueco que foi recentemente nomeado responsável pela investigação das Nações Unidas às acusações de uso de armas químicas pela Síria. Em entrevista à Rádio ONU, na terça-feira, mas só esta quarta-feira noticiada, Sellstrom afirmou que é uma questão de dias a ida para o terreno. åke Sellstrom foi nomeado pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, para chefiar a missão de inquérito da ONU, que foi lançada na sequência de um pedido formal do Governo sírio. O foco inicial da investigação será um incidente envolvendo a alegada utilização de armas químicas na região de Kfar Dael, na área de Khan al-asal, no distrito de aleppo, a Norte do país.