Encontro «inédito» entre o Papa Francisco e o seu antecessor, na residência de Joseph Ratzinger, em Castelgandolfo, porque é «primeira vez» que os dois se vão encontrar, depois do Conclave eleitoral de 13 de março
Encontro «inédito» entre o Papa Francisco e o seu antecessor, na residência de Joseph Ratzinger, em Castelgandolfo, porque é «primeira vez» que os dois se vão encontrar, depois do Conclave eleitoral de 13 de marçoPapa Francisco reúne-se hoje, dia 23, com Bento XVI na sua residência de Castelgandolfo, nos arredores de Roma. O Pontífice partirá às 12, 15 h (menos uma hora em Portugal), de helicóptero, e a reunião privada decorrerá no Palácio apostólico durante a hora de almoço. O serviço informativo da Santa Sé diz que se trata de um evento inédito na história da Igreja, pois é a primeira vez que um Papa em exercício tem uma audiência com o seu predecessor. O Santo Padre será acolhido pelo bispo de albano, Marcelo Semeraro, em cujo território se encontra o Palácio apostólico de Castelgandolgo. À tarde, regressará ao Vaticano. Ontem, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, disse aos jornalistas que também ele fará parte do grupo que acompanhará o Santo Padre e, se for possível, no fim da visita, referirá alguns detalhes do encontro, que será no entanto de natureza estreitamente privada. amanhã, dia de Ramos, o Papa celebrará a Eucaristia na Praça de São Pedro com a participação de muitos jovens, dado que se celebra a Jornada Mundial da Juventude, de carácter diocesano. Este ano a circunstância assume outro valor, porque para o mês de julho está programado o encontro mundial dos jovens no Rio de Janeiro.