Cooperativas de agricultores locais iniciaram a entrega daquilo que se espera que venha a ser a maior quantidade de milho já vendida ao Programa alimentar Mundial, como parte de um projeto piloto.com o objetivo de ajudar este país «a alimentar-se»

Cooperativas de agricultores locais iniciaram a entrega daquilo que se espera que venha a ser a maior quantidade de milho já vendida ao Programa alimentar Mundial, como parte de um projeto piloto.com o objetivo de ajudar este país «a alimentar-se»
a intenção do projeto piloto é promover o acesso dos pequenos agricultores aos mercados locais. O nosso objetivo é o de ajudar a Etiópia a alimentar-se, sublinhou o diretor do Programa alimentar Mundial (PaM) no país, abdou Dieng, num comunicado de imprensa emitido esta terça-feira. as 28 mil toneladas métricas de milho recolhidas pelas cooperativas de agricultores são suficientes para alimentar 1,8 milhões de pessoas por um mês através da distribuição de emergência no país. Comprar comida aqui na Etiópia para a nossa operação na própria Etiópia faz sentido na relação custo-benefício e na prestação que se dá a um impulso para a economia local, ajudando os pequenos agricultores a aproximar-se dos mercados. O PaM assinou contratos com 16 uniões de cooperativas no ano passado, antes de ter começado o período de plantação. as primeiras entregas sobre esses contratos começaram a chegar aos armazéns da organização na semana passada.