Grupo de homens armados atacou uma empresa de construção libanesa e sequestrou sete funcionários. antes do sequestro tentou assaltar uma prisão e uma esquadra da polícia mas foi afugentado. Suspeita-se do envolvimento do grupo islamista Boko Haram
Grupo de homens armados atacou uma empresa de construção libanesa e sequestrou sete funcionários. antes do sequestro tentou assaltar uma prisão e uma esquadra da polícia mas foi afugentado. Suspeita-se do envolvimento do grupo islamista Boko Haram O ataque a uma companhia libanesa de construção civil, no estado de Bauchi, na Nigéria, causou um morto e sete funcionários foram sequestrados. Um grupo de homens armados invadiu a empresa, matou um dos seguranças, e levou os operários – quatro de nacionalidade libanesa, um italiano, um grego e um britânico – revelaram as autoridades policiais, citadas pelas agências internacionais. antes do assalto à empresa, os sequestradores atacaram um estabelecimento prisional e uma esquadra da polícia, na mesma localidade, mas as forças de segurança conseguiram anular a investida, obrigando o grupo a fugir. a região onde se registaram os incidentes é palco de ataques frequentes do movimento islamista Boko Haram.