autoridades querem prevenir possí­veis ataques aos templos cristãos na Indonésia, durante as festividades de Natal e ano Novo. Foram identificadas sete áreas de alto risco, tendo em conta as ameaças dos grupos islâmicos
autoridades querem prevenir possí­veis ataques aos templos cristãos na Indonésia, durante as festividades de Natal e ano Novo. Foram identificadas sete áreas de alto risco, tendo em conta as ameaças dos grupos islâmicos a polícia da Indonésia está a preparar um plano para reforçar a segurança junto às igrejas cristãs em todo o país, para impedir eventuais ataques terroristas, no período de Natal e passagem de ano. Em simultâneo, serão aumentadas também as medidas de proteção nas redes de transportes públicos, nas zonas turísticas e nos espaços comerciais mais frequentados. Na Indonésia, os cristãos estão sob ameaça constante de grupos islâmicos que querem banir o cristianismo do país. E as igrejas tornam-se os alvos preferidos dos terroristas nas épocas festivas. Um dos ataques mais violentos ocorreu no Natal de 2000, com a detonação de vários carros com explosivos, do lado de fora dos templos. Morreram 19 pessoas e perto de uma centena sofreu ferimentos. Embora nenhum outro atentado dessa magnitude tenha sido feito contra a Igreja indonésia desde então, os cristãos continuam a enfrentar a violência de muçulmanos radicais, que são particularmente hostis à presença das igrejas.com base em incidentes passados e tendências atuais, as autoridades identificaram as zonas de Java Oriental, Java Central, Jacarta, Sumatra do Norte, Sulawesi Central, Bali e Malaku, como áreas de maior risco.