Fátima
Domingo de música, formação e oração em Fátima
Texto J.B. | Foto Ana Paula | 13/01/2020 | 16:27
O Domingo do Batismo do Senhor ficou marcado na Cova da Iria por um recital, uma palestra orientada por uma religiosa licenciada em Artes Pásticas, e pela habitual Eucaristia presidida pelo reitor do templo mariano
imagem

Cristo «quis receber o batismo de João para se mostrar solidário com a nossa condição de pecadores, para nos libertar do pecado», demonstrou aos peregrinos da Cova da Iria, Carlos Cabecinhas, sacerdote e reitor do Santuário de Fátima, na Missa a que presidiu na manhã do último domingo, 12 de janeiro, na Basílica da Santíssima Trindade.

 

«Jesus coloca-se ao nosso lado para percorrer connosco o caminho de uma vida plena», acrescentou o responsável, convidando os fiéis a «viver veementemente a sua condição de batizados». «Este é o desafio que a Palavra de Deus hoje nos deixa: vivermos coerentemente como batizados, fazendo o bem», disse Carlos Cabecinhas, citado pelos serviços de comunicação do Santuário de Fátima.

 

O domingo no templo mariano ficou também marcado pela primeira edição da iniciativa `Encontros na Basílica de 2020´. A sessão foi uma ocasião para escutar Sandra Bartolomeu, religiosa da congregação das Servas de Nossa Senhora de Fátima, que deu destaque ao papel da oração na vida dos fiéis.

«A oração é o espaço e o passo sem igual e sem o qual não se pode nascer de novo, isto é, entrar na dança de Deus com Deus. Nascida no silêncio, é na oração que o `eu´ pode escutar a voz de Deus, (…) e quanto mais a voz de Deus brilha aos nossos ouvidos, mais ela nos silencia», disse a religiosa, recordando o apelo insistente à oração relatado pelos três pastorinhos.

«Em Fátima, Deus despertou três crianças para o amor, introduziu-os num clima de fé, esperança e de caridade, preparando-as para conhecerem-no intimamente e participarem da sua vida, até chegarem a configurar-se com a vida do próprio amor, a Luz do mundo, oferecido em sacrifício por nós», enalteceu a responsável. O encontro encerrou com um momento musical, a cargo do grupo Aeternum Vocal Ensemble, sob direção de Davide Barros.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.