+ infoAcontecer
Portugal
FesTin
Filme que retrata visão de Francisco estreia em festival português
Texto J.B. | Foto Finestrelle | 01/03/2018 | 08:41
Responsável pela Secretaria para a Comunicação da Santa Sé vai estar em Portugal para apresentar um filme que espelha «a nova comunicação querida pelo Papa Francisco na lógica da Igreja em saída»
imagem

O filme «O menor exército do mundo», considerado pelo Vaticano como uma das produções que melhor interpretam o novo estilo dos meios de comunicação da Santa Sé, de acordo com a reforma desejada pelo Papa Francisco, estreia na próxima sexta-feira, 2 de março, na nona edição do Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa (FesTin).

 

O documentário vai ser exibido na Sala Manoel de Oliveira, do Cinema São Jorge, em Lisboa, a partir das 19h00. A película é dedicada ao corpo da Guarda Suíça Pontifícia, criada a 22 de janeiro de 1506 para proteger o Papa e a sua residência. O filme foi realizado em 2015 por Gianfranco Pannone, tendo sido selecionado para o festival de Veneza.

 

A obra cinematográfica vai ser apresentada por Dario Edoardo Viganò, sacerdote responsável pela Secretaria para a Comunicação da Santa Sé, que afirma «estar contente» por participar no evento, que considera «uma importante manifestação cultural que difunde o cinema de língua portuguesa no mundo».

 

«É uma missão para a qual tenho gosto em contribuir apresentando o filme `O menor exército do mundo´, que narra um aspeto particularíssimo da vida no Vaticano. É uma forma de contar a nova comunicação querida pelo Papa Francisco na lógica da Igreja em saída», disse o responsável, citado pelos serviços de comunicação da Santa Sé.

 

O filme «O menor exército do mundo» integra a secção «Mostra Latim», uma novidade da programação deste ano, que se debruça sobre «idioma ancestral do português», através da apresentação trabalhos oriundos de «países com língua neolatina», como Espanha, Cuba, França, Itália e Roménia. O festival arrancou na última terça-feira, 27 de fevereiro, e prolongado-se até 6 de março, com o objetivo de «fomentar a interculturalidade, a inclusão social e o intercâmbio cultural nos países de língua portuguesa». 

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.