+ infoAcontecer
Portugal
«Nova Ágora»
Conferências em Braga para «suscitar inconformismo»
Texto J.B. | 12/02/2018 | 17:28
Assuntos relacionados com o ambiente, cidadania e envelhecimento, vão ser abordados por responsáveis políticos e outros especialistas, entre os quais se encontra Sobrinho Simões
imagem

Profissionais de áreas distintas vão falar sobre temas ligados à ecologia, cidadania e envelhecimento, no âmbito de uma nova edição do ciclo de conferências «Nova Ágora», que vai decorrer em três dias do mês de março, no Auditório Vita, em Braga, entre as 21h30 e as 23h00, com o objetivo de «suscitar um inconformismo profético», conforme referiu Jorge Ortiga, arcebispo primaz de Braga, na conferência de imprensa de apresentação da iniciativa, esta segunda-feira, 12 de fevereiro.

 

As questões relacionadas com a ecologia vão estar em debate dia 2, com intervenções João Pedro Matos Fernandes, ministro do Ambiente, Sofia Guedes Vaz, antiga funcionária na Agência Europeia do Ambiente, e Francisco Ferreira, da Associação Zero, sob a moderação de Manuel Carvalho, jornalista do jornal Público.

 

Temas relacionados com cidadania e responsabilidade social serão debatidos a 9 de março, com contributos de António Sampaio da Nóvoa, ex-reitor da Universidade de Lisboa, Pacheco Pereira, historiador e comentador, e Isabel Estrada, professora da Universidade do Minho. A moderar o debate vai estar Júlio Magalhães, diretor do Porto Canal.

 

No último dia do ciclo, 16, serão tecidos «olhares sobre o envelhecimento e qualidade de vida», com a colaboração de José Vieira da Silva, Ministro do Trabalho, Sobrinho Simões, fundador do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto, e Manuel Lopes, coordenador da Reforma do Serviço Nacional de Saúde. Caberá a Conceição Lino, jornalista da SIC, moderar o debate. As inscrições para o ciclo de conferências decorrem online.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.