+ infoAcontecer
A Missão Conta
Moçambique
Envio apostólico de famílias de catequistas
Texto Diamantino Antunes | Foto Margarida Ribeiro Rosa | 23/11/2017 | 16:36
As 14 famílias completaram um ano de formação no Centro Catequético do Guiúa, gerido pelos Missionários da Consolata, e regressaram às suas comunidades de origem para ajudar na evangelização
imagem
A diocese de Inhambane, Moçambique, encerrou esta quinta-feira, dia 23 de novembro, a Assembleia Anual de Pastoral. Os delegados das 22 paróquias, reunidos no Centro do Guiúa, avaliaram o Ano Pastoral 2017, centrado nos sacramentos do batismo e do crisma e programaram o próximo ano pastoral dedicado à Eucaristia.

Um do momentos altos deste encontro foi o envio apostólico das 14 famílias de catequistas que concluíram a sua formação de um ano, no Centro Catequético do Guiúa. Foram enviados para as suas paróquias de origem, para colaborarem na ação evangelizadora. A missa de envio, presidida pelo bispo de Inhambane, Adriano Langa, foi celebrada na igreja paroquial do Guiúa, na presença dos agentes de pastoral que trabalham na diocese e perante a comunidade cristã da paróquia de Santa Isabel do Guiúa.

Os catequistas foram solenemente enviados pelo bispo, na presença dos seus respetivos párocos, depois de se comprometerem a servir a Igreja através do anúncio da palavra de Deus. Todos receberam a Bíblia das mãos do bispo e uma cruz, sinais do ministério que irão exercitar.

A vida do Centro Catequético do Guiúa, fundado em 1972 e dirigido pelos Missionários da Consolata, gira em volta da formação de famílias de catequistas de diferentes dioceses de Moçambique que durante um ano recebem formação em várias áreas, de modo a serem evangelizadores nas suas comunidades.

A formação procura pois ser abrangente e dar cumprimento ao desafio lançado por Paulo VI na encíclica Populorum Progressio: «É necessário promover um humanismo total: o desenvolvimento integral do homem todo e de todos os homens».
Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.