+ infoAcontecer
Mundo
Tensão na península coreana
Rampa de mísseis suspeita na Coreia do Norte
Texto Francisco Pedro | Foto Lusa | 07/11/2014 | 07:19
Serviços secretos da Coreia do Sul terão encontrado provas que o país vizinho está a construir uma rampa de lançamento de mísseis com o dobro da altura da que foi utilizada para lançar um míssil de longo alcance há dois anos
imagem
Os meios de comunicação sul-coreanos deram conta esta semana da alegada construção de uma nova rampa de lançamento de mísseis na Coreia do Norte, citando fontes dos serviços de secretos. A infraestrutura, com 60 metros de altura, estará situada na província de Pyeongan do Norte, no mesmo local onde, em 2012, foi lançado um míssil Unha-3, com um alcance máximo de 13 mil quilómetros.

Na ocasião, o regime de Pyongyang alegou que se tratava de um projeto para colocar em órbita um satélite de comunicações. No entanto, o lançamento provocou uma nova série de sanções à Coreia do Norte e paralisou as negociações que procuravam reduzir a tensão na península coreana.

As notícias da nova rampa juntam-se a outras, lançadas a semana passada, sobre a entrada em funcionamento de um submarino que fez parte da marinha soviética, com capacidade para lançar mísseis balísticos, e confirmam os receios dos sul-coreanos e norte-americanos de que a Coreia do Norte prossegue com o seu programa militar.
Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.