+ infoAcontecer
Mundo
Costa do Marfim
Menino ajudado por portugueses continua hospitalizado
Texto Francisco Pedro | Foto DR | 29/09/2014 | 15:05
Yéo Issa foi operado a uma perna, no âmbito de uma campanha apoiada pelos Missionários da Consolata. Os médicos aguardam a retirada do gesso para avaliar a evolução do tratamento
imagem
Ainda com a perna engessada, Yéo Issa, o menino da Costa do Marfim que tem vindo a ser acompanhado por Maria João Lopes, finalista em medicina, e por Yves Callewaert, realizador e fotógrafo de publicidade, continua internado, mas já começou as aulas e conquistou novas amizades no Hospital de Bonoua.

Operado em agosto, graças à campanha desenvolvida pela futura médica e pelo realizador, com o apoio dos Misssionários da Consolata, Yéo aguarda agora que lhe tirem o gesso, para ficar a saber se a recuperação está decorrer dentro da normalidade, revelou o padre Ramón Esnaola, um dos missionários que está a acompanhar o menino.

O menor caiu de uma árvore há uns anos e lesionou-se gravemente numa perna. Os pais investiram todas as suas economias nos tratamentos, mas algo correu mal na intervenção médica e ele ficou com problemas de mobilidade, que se têm agravado com o crescimento. Se não fosse tratado com urgência, podia deixar de andar. Yves e Maria João tiveram conhecimento do caso o ano passado, durante um campo de férias na Costa do Marfim, promovido pelos Missionários da Consolata, e, sensibilizados com a triste história do menino, decidiram unir esforços para o ajudar.
Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.